sexta-feira, 30 de maio de 2014

Cebolinha: HQ "O Grande Concurso das Balas Bilula"

A história que eu mostro é de quando houve um concurso que mexeu com todos no Bairro do Limoeiro. Um clássico de exatos 25 anos muito lembrado pelos fãs. Ela tem 9 páginas e foi história de abertura de 'Cebolinha nº 29' (Ed. Globo, Maio/ 1989).

Capa de 'Cebolinha nº 29 (Ed. Globo, 1989)

Nela, um grande concurso estava agitando todos do Bairro do Limoeiro. Era o concurso das balas Bilula no qual os participantes tinham que mandar uma carta com uma frase falando bem das balas, junto com 10 embalagens. O ganhador da frase mais criativa ganhava uma bicicleta e um milhão de balas Bilula.


Cebolinha comprou o seu último pacote e como o Cascão não tinha dinheiro para comprar as balas, Cebolinha sugeriu ao Cascão que o ajudasse a inventar a frase e chupar as balas que aí dividiria o prêmio com ele. cebolinha tinha certeza absoluta que ia ganhar porque bolar frases não era difícil para ele. Cascão até brinca que se fossem frases infalíveis não seria fácil. 

Chegando na casa do Cebolinha, eles começam a bolar a frase chupando balas, até que o Cascão tem ideia de uma. A frase era: "O Gato mia, o cachorro late, o macaco pula. Vivam as balas Bilula!".


Cebolinha acha bobagem e pergunta se isso é tudo que ele pode pensar. Cascão responde que pelo menos rimou e então, o Cebolinha diz que tem que bolar uma frase forte. Então, Cascão na hora inventa outra frase: "A Mônica chupa as balas Bilula". Cebolinha também não gostou e voltam a criar outra frase. Cascão começa a rabiscar o papel e até que levanta o papel, mas não era uma frase, e sim um desenho de um super-herói, o Lixeiro Prateado, que acabou de inventar. Cebolinha fica brabo e reclama que o chamou para ajudá-lo na frase e que isso tirou a concentração dele. 


Até que durante a discussão teve ideia da sua frase: "A mais deliciosa, gostosa e saborosa bala do mundo é a bala Bilula". Cascão discorda, dizendo que prefere a bala Tuquinha e o Cebolinha diz que essa era a frase do concurso. Cascão gosta e eles vão ao correio enviar a carta. Chegando lá, encontram uma fila enorme, pois todos estavam participando. Lá, encontram com a Magali que estava lamentando que havia enviado só 10 cartas porque só soube do concurso na última hora e só conseguiu arrumar 100 pacotes de balas.


Eles conseguem enviar a carta e encontram com a Mônica, que diz que conseguiu arrumar os 10 pacotes de bala, mas não conseguiu bolar uma frase para o concurso. Aí, na mesma hora, ela tem ideia de uma frase, porém foi a mesma que os meninos enviaram para o concurso. Eles não avisam que já haviam criado a frase e falam que estava horrível. Para sacanear com a Mônica, Cebolinha cria uma frase para ela, sendo a mesma que o Cascão havia criado no inicio da história e que achou boba: "O Gato mia, o cachorro late, o macaco pula. Vivam as balas Bilula!"


Mônica gosta e resolve enviar. Quando vai embora, os meninos dão gargalhadas, achando engraçado ela enviar aquela droga de frase. Ficam aliviados por ser uma concorrente a menos e agora só restam aguardar o resultado do concurso. Passa um tempo e chega o dia do resultado. Eles vão a casa do Cebolinha para assistir na TV. Então, são revelados os 3 primeiros colocados. Em 3º lugar foi o Zezinho de Jaboatão, Pernambuco, com a frase "Eu gosto das balas Bilulas" e em 2º lugar, Renato Luís, de São paulo, com a frase "Balas Bilulas, Eu gosto".


Vem a divulgação do primeiríssimo lugar. A carta foi do bairro do Limoeiro e os meninos já pensam que era deles. Porém, a grande vencedora foi a Mônica com a frase dos meninos, porque acharam bem ecológica. Cebolinha e Cascão ficam com cara de tacho e desmaiam. Afinal, o feitiço virou contra o feiticeiro.

Toca a campainha e o Cascão fala pra atender porque está desmaiado. Era a Mônica agradecendo, porque graças a frase dele, ela ganhou o concurso. Para recompensá-lo, ela decidiu dividir o prêmio. Com isso, a Mônica ficou com a bicicleta e eles com um milhão de balas Bilula. Quando recebem e com cheio de balas no chão, Cascão tenta conformar o Cebolinha, falando que daqui alguns anos, os netinhos dele ainda estarão chupando balas Bilula, deixando o Cebolinha mais irritado e terminando assim.


Uma história maravilhosa que satiriza os concursos da mídia que mexem com a criatividade de bolar frases para os produtos. Além de ser muito engraçada, ainda tem uma lição de moral. Cebolinha tentou agir de má fé para ela ser eliminada do concurso, mas acabou se dando mal. Se aceitasse a frase do Cascão, que achou tão boba, eles é que seriam os vencedores. Muito engraçada a cara deles ao descobrirem que a Mônica ganhou o concurso.

Os traços são excelentes e a torna melhor ainda. Na postagem, coloquei completa. Interessante colocarem marcas para as balas Bilula e Tuquinha. Sendo que balas Bilula não passaram a ser referência fixa de balas compradas pela turminha.  


Essa história se tornou um clássico, muito lembrada pelos fãs até hoje, até pela frase que marcou os quadrinhos. "O Gato mia, o cachorro late, o macaco pula. Vivam as balas Bilula!" é sempre citada em momentos especiais, em forma de homenagem, como na história "Barraco entre vizinhos" (Mônica # 29, de 2009), Graphic MSP "Turma da Mônica - Laços" (2013) e mais recentemente em "Cebolinha # 500", de 2014.

Naquela época, para participar de concursos era só através de cartas mesmo. Atualmente, são mais comuns digitar o número de código de barras, enviando via SMS do celular ou fazendo cadastro no site, precisando ou não criar frase criativa, dependendo do concurso. 


A propósito, a capa desse gibi é muito boa também com o Cebolinha como um ás do skate. As capas do Cebolinha normalmente eram com piadas envolvendo seu cabelo ou provocando a Mônica, mas as vezes tinham algumas ele praticando esportes radicais. 

O curioso é que com o capacete vermelho e várias imagens do Cebolinha nela, para indicar movimento, ficou parecendo os bonecos "Mix Faces" da "Mimo". Eles foram lançados na mesma época e para mudar a face do personagem era só abaixar o chapéu, no total de 4 expressões diferentes cada um. Tinha bonecos da Mônica, Cebolinha, Cascão e Magali e eu mesmo tinha todos já em maio de 1989 quando o gibi foi lançado. Quem sabe essa capa não foi uma forma de promover os bonecos. Eu pensava isso na época. Abaixo, uma imagem desse boneco do Cebolinha, tirada da internet:

Boneco "Cebolinha Mix Faces" da Mimo (1989)

27 comentários:

  1. Eu li no antigo Portal Turma da Mônica.
    Muito legal!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, tinha no antigo site deles e não colocaram no novo. Muito boa realmente.

      Excluir
  2. Marcos,em que mês mais ou menos que deve sair o próximo Turma da Mônica Extra?Eu queria um do Zé Lelé,Zé da Roça,Hiro,Nho Lau,Rosinha,Dona Marocas,enfim qualquer um ligado ao universo do Chico Bento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mozer, deveria ter saído nesse mês de maio, mas até agora não divulgaram nem capa. Então, não sei quando será o próximo. Quem sabe em junho, fica a expectativa.

      Eu tbm adoraria com alguém da Turma do Chico, sobretudo Zé Lelé... adoraria tbm um com a Pipa, Rolo, Cafuné e Bugu. Espero q não seja do universo da Turma da Mônica, podia ser de outro núcleo pra variar. Da turminha aceitaria por ora, um do Humberto ou do Titi.

      Excluir
  3. Da turminha ainda faltam ganhar entre outros:Jeremias,Titi,Aninha,Marina,Franjinha,Nimbus,Humberto,Cascuda e Carmem Fru fru.

    Além da turma do Chico também quero da Turma da Mata (Tarugo,Raposão,Coelho Coelho,Rei Leonino,Ministro,etc...),do Penadinho(Frank,Cranicola,Zè Cremadinho,Lobi,Alminha,Muminho,etc...) e do Bidu(Manfredo,Duque,Zè Desaparecido,Bugu,etc...)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Podiam investir mais nos secundários dos outros núcleos, mas, sem dúvida faltam de vários personagens, inclusive os da turminha. Vamos aguardar quando será q vão lançar o próximo.

      Excluir
  4. Ótimo, Marcos, mandou bem. História clássica, frase também clássica. Poxa, "O gato mia, o cachorro late, o macaco pula! Vivam as Balas Bilula!".

    Mas outras HQs clássicas do Cebolinha é a do Japonês Garantido, Nô? (1988). Essa aí já falei outra vez e queria que falasse dela. É muita engraçada, é sério. Na verdade, comecei a ler a HQ no antigo site da Turma da Mônica.

    Outra clássica mesmo é O Terrível Homem Borracha (# 13, 1988). Mas não vejo nada de clássica, pois nunca a vi na minha vida, mas deve ser ótima. Bem que podia me ajudar no enredo dela, ou seja, me dizer o enredo dela.

    E é isso. Garanto que um dia você destas HQs clássicas do Cebolinha. Todas são uma obra-prima, principalmente a do japonês. E não se esqueça do enredo do homem borracha, OK? Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conheço a hq "Japonês Garantido, Nô?", muito legal, sim. " O Terrível Homem Borracha" tbm é muito boa tbm. Nela, um bandido toma uma fórmula q faz virar borracha e consegue fugir da prisão, causando pânico na cidade.

      Abraços

      Excluir
    2. Ah, sim, esqueci de falar de que a HQ acima foi republicada no Almanaque do Cebolinha # 40 (1997). Sei muito bem pois eu tenho essa edição e que também dava pra baixar a edição na Internet.

      Excluir
    3. Vale lembrar que a HQ do homem-borracha foi republicada no Almanacão Turma da Mônica # 5 (Ed. Globo, 1996), que também republicou A Corrida Maluca (MN # 56, Ed. Globo, 1991), também republicada recentemente em Almanaque da Mônica # 40 (Panini, 2013).

      Nela, Mônica e Magali competem uma corrida com Cebolinha e Cascão, para ver quem são os melhores corredores do Limoeiro, meninos X meninas. E como sempre, o Cebolinha se ferra no final.

      Nesse mesmo almanacão, também foi republicado a HQ Esquentando (CB # 32, Ed. Globo, 1989) com Tina e Rolo, em que Tina faz de tudo para se refrescar em um dia de calor, mas no final, fica muito frio e volta a mesma roupa que estava na primeira página, porém o Rolo fica com muito frio, mas mesmo assim, é uma HQ bem criativa. Você bem que podia falar dela em breve.

      E se você conhece as HQs citadas acima, deixe seu comentário. Abraços.

      Excluir
    4. Eu tbm tenho o Almanaque do Cebolinha # 40 e o Almanacão Turma da Mônica # 5... e conheço essas hqs q vc citou tbm nas originais... são hqs muito legais, se der, falo sobre elas

      Excluir
  5. A melhor historia dos anos de 1989 ,foi massa a frase do cascão . Se eu fosse o cebolinha eu ia na frase do cascão . Historia bem legal!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela é uma das melhores de 1989. Muito boa. E verdade, se o Cebolinha aceitasse a frase do cascão não teria se dado mal. rsrs

      Excluir
  6. hahahaha muito boa! Um clássico dos clássicos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, um verdadeiro clássico. Adoro essa hq, é muito engraçada.

      Excluir
  7. Respostas
    1. Pelo menos conheceu agora rsrs... dava pra ler no site antigo deles, mas não a colocaram no site novo.

      Excluir
  8. Ótimo post, muito bom poder lembrar dessa história! "Vai atender, Cebolinha! Eu estou desmaiado!" XD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk... as tiradas são maravilhosas, Muito boa essa hq.

      Excluir
  9. Está no rol das mais clássicas de todos os tempos, ao lado da dos Azuis, da Mariana e outras.

    "Prefiro as balas Tuquinha".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk... eu ri do Cascão nessa hora. História maravilhosa.

      Excluir
    2. Que bom reencontrar você aqui MESTRE...um abraço! !

      Excluir
  10. Nossa essa é realmente classica! me lembro de quando li a primeira vez exatemente na época em 1989 quando tinha 9 anos...kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem clássica mesmo... eu tbm a li na época. Muito boa.

      Excluir
  11. Primeiramente quero ENALTECER seu belo trabalho, nesse que é um dos MELHORES blog que compartilho. Você MARCÃO é muito ATENCIOSO com os leitores, sempre respondendo ou tirando dúvidas.

    Esse blog faz eu voltar a ser uma criança de 8 anos, uma época em que eu era VICIADO por REVISTINHAS. Comecei a colecionar em 1988 até 1994. Tive uns 300. Perdi muitas. Doei várias também. Atualmente guardo umas 30. Mas devo voltar a colecionar novamente, só da TM, menos da PANINI.

    Com relação a essa REVISTINHA, eu tinha essa edição. Lembro muito bem dessa história, MUITO BEM ESCRITA.

    Mas na minha opinião a melhor HQ do CEBOLINHA foi quando ele volta no tempo devido a maquina do FRANJINHA e dá de cara com ELE e a MONICA de 1960. Essa HQ fazia uma referência ao filme de grande sucesso da época, DE VOLTA PARA O FUTURO. A edição é de 1990.

    Mais uma vez quero te dar meus parabens e que esse blog continue por muito tempo. Abraços! !!

    ResponderExcluir
  12. Ahhhhhh....

    E essas balas TUQUINHA que o CASCÃO se refere provavelmente é paródia das famosas balas JUQUINHA...rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal q tá gostando do blog, a ideia é essa mesma. Se vc for colecionar mesmo, só os da Panini q não vale a pena. Os antigos são melhores, sem dúvida, em tudo.

      A hq De volta para a historinha, é de Cebolinha nº 60, de 1991. É excelente, sim, um clássico. E nessa hq das balas bilula, ´tbm é ótima, realmente foi uma homenagem as balas Juquinha rsrs.

      Valeu pelo elogio. Abraços

      Excluir